Palavras, ditas vivas, sentimentos, vivos tambem, um pouco de mim, aqui, para ti que lês, que vês, assim.... Comentários são sujeitos a análise prévia, em face dos abusos cometidos por algumas pessoas.
Terça-feira, 23 de Maio de 2006
Questões amorosas

Apetecia-me escrever sobre o amor, sobre esse tão nobre sentimento, mas, hoje a prosa não me sai escorreita, não flui o português que, habitualmente, salta para a tela numa prontidão insuspeita.

 

Não sei que será isto, esta falta de inspiração prosaica, se será falta de uma moderna pena ou saudades de uma pena arcaica. Só sei que nada sei e que nada sabendo escrevo pouco, ora imaginem o que seria se soubesse, decerto escreveria como um louco.

 

Levem em conta que falar de amor não é coisa pouca, é tarefa agigantada, de gente de sorte, gente que conhece o amor na vida, enquanto outros não o conhecem nem na hora da morte.

 

Entre tanta dissertação sobre o amor e a falta da adequada prosa para dele falar, dou por mim a pensar, será que o amor se diz, se escreve, se descreve, poderá ser dito e redito ou apenas será sentido,  para alguns desejado e querido, para outros maldito.

 

Não usei ponto de interrogação, não procurei a resposta de quem leu, apenas deixei no ar a questão, para falar de amor, quem sou eu. Talvez um dia, já velhinho, a caminho de um outro patamar, saiba então falar do amor, por ora, fico-me pela contemplação desse sentimento lindo que é amar.

 

 

 



publicado por PAU_LINDO às 12:47
link do post | favorito

Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

25
26
27
28
29
30

31


posts recentes

Amanhã é Natal ?

Natal, pois...

Resistir

Sagradas

Tristeza

5 anos

Ordens inversas

Olhar

I Love You Very Much...à ...

Eu amo e sei

arquivos

Dezembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Julho 2004

Junho 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

blogs SAPO
subscrever feeds